Apreendidas armadilhas usadas para caça ilegal

911
Apreensão de armadilhas de caça (GNR).
Dreamweb 728×90 – Video I

A GNR apreendeu oito armadilhas usadas como meios de caça proibidos no concelho de Aveiro.

“No decorrer de uma ação de fiscalização num estabelecimento”, os elementos do Serviço da Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) “detetaram nas imediações” as armadilhas, que estavam “preparadas para a captura de aves.”

O dono, um homem de 67 anos, foi identificado. Depois, “no seguimento da ação, foi possível constatar que algumas das gaiolas já continham espécies não cinegéticas no seu interior” do estabelecimento, refere a nota da Guarda, que apreendeu oito armadilhas (gaiolas com alçapão) e três aves (dois pintassilgos e um pintarroxo-comum).

As aves recuperadas foram entregues no Parque Biológico de Gaia e os factos comunicados ao Tribunal Judicial de Aveiro.

“A GNR relembra que quem capturar espécies não cinegéticas, com recurso à utilização de meios e processos não autorizados, incorre num crime contra a preservação da fauna e das espécies cinegéticas e é punido com pena de prisão até 6 meses ou com pena de multa até 100 dias”.

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.