APCOR disponível para acordo em linha com aumentos salariais dos últimos anos

1340
Foto site APCOR.
Comercio 780

Na sequência dos pré-avisos de Greve tornados públicos pela Federação Portuguesa dos Sindicatos da Construção, Cerâmica e Vidro – FEVICCOM/CGTP-IN para o dia 24 de Junho, a Associação Portuguesa de Cortiça (APCOR) vem comunicar o seguinte, enquanto representante dos interesses do setor da Cortiça:

1 – A APCOR mantem o seu total empenho no processo negocial do CCT- Contrato Colectivo de Trabalho, em prol da valorização dos nossos trabalhadores, sendo que não nos revemos na solução de greve agora apresentada pela FEVICCOM;

2 – À imagem da nossa aposta ao longo dos anos e que nos permite estabelecer, anualmente, actualizações do CCT sectorial, o processo negocial deste ano encontra-se a decorrer com total normalidade, sendo que temos agendada nova reunião para o próximo dia 4 de Julho;

3 – A proposta de alteração do CCT que apresentamos aos Sindicatos, continua a valorizar as condições dos nossos Trabalhadores, e a distinguir positivamente o nosso sector em termos nacionais, seja pela política salarial, quer seja pela valorização do subsídio de refeição que já ultrapassa os 5,5€.;

4 – Nesse sentido, continuaremos disponíveis para assinar um contrato em linha com os aumentos alcançados nos últimos anos;

5 – A APCOR manterá a sua visão focada no coletivo, fortemente dominado pelas micro e pequenas empresas, naquilo que diz respeito ao setor da cortiça e não em casos isolados e particulares. À semelhança dos últimos e largos anos, espera que seja esta também a posição dos sindicatos.

Direção da APCOR

Publicidade, Serviços & Donativos