Alteração das normas da Incubadora do Curia Tecnoparque

395
Smartfire 728×90 – 1

A Câmara Municipal de Anadia aprovou, na sua última reunião de executivo, no passado dia 20 de abril, a alteração das Normas de Funcionamento da Incubadora do Curia Tecnoparque que atualiza as condições de utilização e as regras de acesso aos modelos de incubação, bem como aos espaços físicos e às infraestruturas de serviços disponibilizados pela incubadora.

As alterações introduzidas referem-se essencialmente às condições de acesso ao Coworking.

A Incubadora de empresas do Curia Tecnoparque oferece quatro modelos de incubação: Coworking, Pré-incubação, Incubação virtual e Incubação física. Atualmente, este espaço acolhe um total de nove empresas, seis em incubação física e três em incubação virtual.

A Incubadora tem como principal objetivo contribuir para a afirmação do concelho de Anadia como uma área de acolhimento empresarial de excelência, apoiando a efetiva transferência de conhecimento e tecnologia, fomentando paralelamente um conjunto de áreas estratégicas existentes no concelho, o que permitirá apoiar e incentivar o desenvolvimento económico e empresarial do território.

A Incubadora constitui-se também como um núcleo de apoio ao empreendedorismo de base local, permitindo que as empresas incubadas usufruam de uma série de vantagens, sinergias e complementaridades que daí decorram. Funciona num modelo de parceria estratégica com entidades públicas ou privadas, nacionais ou internacionais, tanto no meio académico como no meio empresarial.

Câmara de Anadia

Publicidade, serviços e donativos

» Está a ler um artigo sem acesso pago. Faça um donativo para ajudar a manter o NotíciasdeAveiro.pt de acesso online gratuito;

» Pode ativar rapidamente campanhas promocionais, assim como requisitar outros serviços.

Consultar informação para transferência bancária e aceder a plataforma online para incluir publicidade online.