Albergaria-a-Velha: Finalmente a Câmara propõe-se intervir no Centro de Saúde!

880
Centro de Sáude de Albergaria-a-Velha.
Dreamweb 728×90 – Video I

Desde há muito que o PSD tem vindo a chamar a atenção para a degradação dos serviços e equipamentos de saúde no concelho.

Nos últimos anos, vimos os equipamentos a desgastarem-se; algumas unidades a encerrar e outras a passar para contentores. Faltam médicos. Faltam outros recursos humanos. Os serviços de saúde têm piorado e quem sofre são os utentes. Nos últimos dois anos – ainda longe estava a pandemia – a situação agravou-se de forma acentuada, em particular no centro de saúde de Albergaria-a-Velha.

Em Janeiro de 2019, em entrevista ao Correio de Albergaria, o PSD elegeu a intervenção na saúde como prioridade.

A 27 de Maio de 2019 – no dia seguinte às eleições europeias – visitámos o Centro de Saúde, onde pudemos constatar o seu deplorável estado e confirmar que a Camara Municipal lá podia intervir, como, aliás, havia feito no passado.

A 13 de Setembro de 2019, os candidatos às eleições europeias visitaram o Centro de Saúde para sinalizar a necessidade urgente de intervenção.

A 25 de Novembro de 2019, levámos o assunto à Assembleia da Republica, tendo sido a Ministra da Saúde questionada pelo deputado Bruno Coimbra.

A 23 de Janeiro de 2020, levámos novamente o assunto à Assembleia da República, desta feita pela voz da deputada Helga Correia.

A 2 de Novembro de 2020, o estado a que o Centro de Saúde havia chegado justificou uma reunião de emergência com o deputado Bruno Coimbra.

A 6 de Novembro de 2020, aquela reunião teve por consequência nova intervenção na Assembleia da Republica através da deputada Helga Correia.

A 4 de Fevereiro de 2021, em entrevista ao Jornal de Albergaria, voltámos a reclamar uma intervenção no Centro de Saúde.

Na discussão do Plano de Atividade e Orçamento para 2021 o PSD questionou sobre ausência de estratégia para a saúde.

Tudo isto sem esquecer as insistentes e contínuas solicitações nas reuniões de Câmara Municipal e Assembleia Municipal, onde o PSD sempre exigiu uma intervenção do Município no Centro de Saúde de Albergaria.

A estas diligências, o executivo de Antonio Loureiro sempre respondeu com desprezo. Nunca aceitou as nossas propostas. Desculpou-se dizendo que o equipamento não era do Município e que, por isso, não poderia intervir.

Ora, na próxima reunião de câmara o executivo leva à ordem de trabalhos: “Beneficiação do Edifício do Centro de Saúde de Albergaria-a-Velha – Projecto de Arquitectura”

Incrível, não é? Mais vale tarde que nunca. Obviamente que os vereadores do PSD irão, convictamente, votar a favor.

Mas há, pelo menos, três perguntas que se impõem:

1 – Porque é que dos 120 milhões de orçamento dos 8 anos de governo do Executivo de António Loureiro, a saúde não é uma prioridade?
2 – Porque é que não se iniciou este procedimento há mais tempo?
3 – Porque é que não ouviram nem tiveram em conta as propostas do PSD?

Fez mais o PSD na oposição pela saúde no concelho do que este CDS que está no poder.

A todos aqueles que secundaram a posição do executivo, defendendo que a camara não podia intervir no Centro de Saúde, é importante que reflictam … em liberdade! Esqueçam que o mensageiro é o PSD e pensem, apenas e unicamente, na mensagem e, sobretudo, no que a população tem perdido.

Foram anos de luta e este é o primeiro passo. Demorará ainda muito até os andaimes estarem de pé mas uma garantia podemos deixar:

Não descansaremos enquanto não mudarmos o estado da saúde em Albergaria!

PSD de Albergaria-A-Velha

Publicidade, Serviços & Donativos