Primeira descarga de combustível inaugura novo parque de tanques da PRIO

5031
Foto cedida pela PRIO.
Dreamweb 728×90 – Video I

A PRIO anunciou hoje que vai inaugurar o investimento de 11 milhões de euros na expansão do parque de tanques do Terminal de Granéis Líquidos (TGL) do Porto de Aveiro “com a primeira descarga de combustível”, no caso de um navio proveniente de Antuérpia.

“Este investimento agora terminado permitiu aumentar a capacidade de armazenamento de gasolinas de 10.000m3 para os atuais 26.000 m3, equivalentes a cerca de 26 milhões de litros”, refere uma nota de imprensa.

O navio em causa irá descarregar mais de 14 milhões de litros de gasolina e 3 milhões e 500 mil litros de gasóleo de aquecimento. Neste último combustível, a capacidade de armazenagem também foi também aumentada (mais 4.000m3).

Com este investimento, a PRIO diz que garantiu igualmente a possibilidade de se realizar uma contínua carga de gasolina para clientes, “sempre que estiver a ser feita uma descarga de navio, através da afetação de um tanque, dos dois desta expansão, para a armazenagem de gasolinas.”

A companhia refere ainda que ficou preparada para “poder trabalhar produtos e misturas de combustíveis cada vez mais ecológicas, com maior incorporação de biocombustíveis avançados e que serão conhecidas em breve.”

A PRIO é atualmente a maior produtora de biocombustíveis em Portugal e a terceira maior produtora europeia de biodiesel a partir de matérias-primas residuais.

Servir melhor a rede de distribuição

» Ao fortelecer a rede de armazenamento, a empresa fica em condições de servir melhor a rede de distribuição, “aproximando-se ainda mais dos portugueses e cimentando a sua posição como um dos principais fornecedores de combustíveis, distribuindo, pelos principais players do setor, cerca de 600 milhões de litros de combustível, por ano.”

Discurso direto

“Esta expansão é a continuação lógica do crescimento sustentado que a PRIO tem apresentado nos últimos anos. O nosso objetivo passa por oferecer produtos inovadores, sustentáveis e de qualidade a um preço competitivo e com esta expansão damos mais um passo rumo a esse objetivo, permitindo também aumentar o nosso portefólio de produtos. Temos objetivos de crescimento muito claros e a concretização deste investimento era essencial para os atingirmos” – Emanuel Proença, administrador da PRIO.

Artigo relacionado

Gasolineira Prio comprada pelo grupo espanhol DISA

Publicidade, Serviços & Donativos