Apresentação   |    Estatuto editorial   |    Conteúdos na mão   |    Correspondentes   |    Publicidade   |    Contactos   |    Newsletter
Entrar   |    Registe-se   |    Ajuda
Aveiro, Portugal
Terça-Feira, 19 Setembro 2017
16 ºC
Nevoeiro
Siga-nos!    Siga-nos!    Mypub gestor online publicidade
Onde Estou? Página Inicial » Actualidade » Noticiário
Pesquisar
Albergaria-A-Velha: Sensores protegem bombeiros expostos a riscos
31 ago 2017, 17:39

A equipa do Inesctec que desenvolve com apoio dos Bombeiros de Albergaria-A-Velha um sistema inovador de monitorização em tempo real de operacionais de primeira resposta procura investidores.

O equipamento tecnológico é baseado em sensores fisiológicos para captar os sinais vitais, níveis de stress e fadiga, entre outros. Mas também ambientais, como a temperatura, fumos a que estão expostos ou luminosidade, bem como de localização georeferenciada dos profissionais alvo, onde se incluem polícias, paramédicos ou até controladores aéreos.

A tecnologia será, atualmente, a única do género que faz a integração de vários parâmetros, contando já com mais 700 horas de dados e análises de testes em situações reais, nomeadamente em intervenções feitas pelos ´soldados da paz´ envolvidos.

"Com os dados da própia condição dos profissionais alvo e informação do ambiente que os rodeia a ser descarregada para o servidor que esteja no comando, podemos acompanhar as variáveis a que estão sujeitos e gerir as equipas no terreno para terem mais eficiência ou detectar situações de falência física", explicou o investigador Duarte Dias.

O projeto VR2Market, nascido no âmbito do Programa Carnegie Mellon Portugal (CMU) Portugal, envolve universidades nacionais, incluindo a de Aveiro, bem como parceiros empresariais.

"Do ponto de vista tecnológico estamos numa fase muito avançada de validação da solução", explicou Rui Rosas durante uma demonstração feita esta tarde no quartel dos bombeiros de Albergaria-A-Velha.

O projeto passa uma fase crítica, atendendo à necessidade de angariar fundos para ser desenvolvido comercialmente.

Os investigadores viajam, dentro de dias, para os Estados Unidos da Amértica (EUA) onde os espera durante dois meses a participação num ´programa de aceleração´ para empreendedores com apoio do Programa CMU Portugal.

"Vamos aproveitar não só para procurar validar o modelo de negócio como procurar investimento estrangeiro. O mercado americano é muito interessante nesse aspeto", referiu o investigador, acreditando nas "vantagens competitivas" do sistema, embora sem querer fazer estimativas dos custos previstos no futuro do projeto que poderá dar lugar a uma empresa.

Discurso direto

"67% das fatalidades são resultantes de stress e esforço excessivo, conseguiremos antecipar a situação de falência física e aumentar a segurança física. 68% dos bombeiros acabam por desenvolver cancros, resultante dos gases nocivos, partículas. Tendo em conta o limiar do aceitável, podemos precaver essas situações" - Rui Rosas, investigador [ouvir declarações nas galerias relacionadas].

"Tudo que é para a segurança dos operacionais, é deles que depende o socorro, toda a informação a cada momento, é uma mais valia. A segurança está em primeiro lugar, mas a nossa profissão é de risco. Podemos esquecer alguns alertas amarelos, mas não os vermelhos. Vai ser mais um equipamento individual de proteção, seja para combate direto ou nossa segurança" - José Valente, Comandante dos Bombeiros de Albergaria-A-Velha [ouvir declarações nas galerias relacionadas].

(em atualização)

Tags:
Notícias Relaccionadas
Classifique esta notícia:  Sem classificação
  Comentar Artigo   Imprimir Artigo   Enviar Artigo   Partilhar Artigo
0 Comentário(s)
Galerias Relacionadas:
  0 video(s)
  0 documentos(s)
Outras Informações:
Visualizações: 339
Tamanho do texto: A- A+

Últimos Vídeos
Mais comentadas
Mais lidas
Pesquisa de imóveis »
 
Armazém
Arrendamento - Usado
Aveiro
Albergaria-a-Velha, Albergaria-a-Velha
Consultar Imóvel »
Moradia Geminada T4
Venda - Novo
Aveiro
Oliveira do Bairro, Bustos
Consultar Imóvel »
Quartos   
Inquérito »