Apresentação   |    Estatuto editorial   |    Conteúdos na mão   |    Correspondentes   |    Publicidade   |    Contactos   |    Newsletter
Entrar   |    Registe-se   |    Ajuda
Aveiro, Portugal
Domingo, 26 Fevereiro 2017
15 ºC
Nublado
Siga-nos!    Siga-nos!    Mypub gestor online publicidade
Onde Estou? Página Inicial » Actualidade » Noticiário
Pesquisar
Ribau Esteves antecipa avaliação dos transportes e garante que concessão "vai correr bem"
11 jan 2017, 16:50

O presidente da Câmara de Aveiro anunciou hoje que decidiu antecipar de fevereiro para o final deste mês a primeira avaliação da AveiroBus, a operação privada de transportes terrestres e fluviais.

Dessa forma será possível também acelerar mudanças que apenas estariam previstas para março.

Ribau Esteves falava na reunião pública do executivo camarário, esta quarta-feira, a pretexto de um ponto sobre a concessão incluído na ordem de trabalhos.

"Esta operação vai encontrar o bom ponto de equilíbrio, com serviço de acordo com as necessidades dos cidadãos. A perfeição não irá ser nos primeiros dias, mas vai correr bem", garantiu o edil perante cerca de quatro dezenas de utentes dos transportes que aguardavam o período aberto à participação do público para exporem dificuldades sentidas com a entrada em funções do novo operador, que sucedeu à Moveaveiro.

A Câmara admite, desde já, a necessidade da concessionária que entrou em atividade a 1 de janeiro de ajustar paragens, fazer desdobramentos nas linhas mais concorridas e mesmo retomar algumas carreiras ao fim-de-semana em zonas que ficaram demasiado despovadas.

"Mas não vamos voltar a ter horários para andar a transportar motoristas e autocarros, ninguém se chateará com isso", disse.

Segundo Ribau Esteves, foram detectados também "erros" no caderno de encargos por força de situações desconhecidas, nomeadamente "desvios clandestinos", que só foram agora reportados por queixas de utentes que deixaram de beneficiar de transportes.

Nos transportes fluviais, o edil garantiu que não surgiram dificuldades de maior.

Muitas das queixas dos utentes na fase de arranque resultaram, segundo explicou, de problemas "normais" da entrada em funcionamento de um novo operador, que estão a ser corrigidos. 

O concessionário já fez ajustes aos horários.

Quanto aos funcionários da Moveaveiro, a Câmara informou que será obrigada a fazer um despedimento coletivo de 12 colaboradores, por extinção do posto de trabalho.

No balanço final, dos 99 funcionários, 70 têm vínculo público ficando a trabalhar em serviços municipais.  17 colaboradores aceitaram integrar a concessionária, que os aceitou como efetivos.

PS revela "espanto" com críticas feitas ao novo modelo de transportes

Manuel Oliveira Sousa, vereador do PS,  criticou a maioria PSD-CDS por ter avançado para a concessão "sem realismo", pedindo agora aos utentes "que estão a pagar bilhetes e passes para dizerem o que falta".

"O presidente garantia que ia correr tudo muito bem, acaba por assumir agora, com espanto nosso, que existem problemas. Onde estão os estudos com todas variáveis que levaram a tomar decisões", questionou, exigindo que o serviço seja prestado "com qualidade", especialmente no que toca às escolas.

Poucos autocarros e ligações em número inferior às necessidades

Do público presente na reunião foram apresentados casos concretos de menos autocarros e, por força disso, carreiras que agora são feitas "sobrelotadas". Acontece na ligação Eixo - Aveiro e regresso à freguesia.

De Nariz, as queixas prendem-se com a imposição de saídas "cedísssimas" com deslocações "muito inconvenientes" por Verdemilho e Aradas que acabam também "lotadas".

Ouviram-se também pedidos para maior coordenação com os horários das escolas, já que os alunos estão a chegar atrasados.

(em atualização)

Tags:
Notícias Relaccionadas
30 dez 2016, 16:37 Comunicado da Câmara Municipal de Aveiro sobre o início da operação do concessionário dos transportes
04 jan 2017, 10:53 Concessão da MoveAveiro: menos oferta, pior qualidade, preços mais elevados
09 jan 2017, 19:27 Concessão dos transportes só veio agravar os problemas dos aveirenses
12 jan 2017, 09:46 Aveiro: Problemas na concessão dos transportes acentuam "falta de condições para gerir os destinos do município" - PS
Classifique esta notícia:  Sem classificação
  Comentar Artigo   Imprimir Artigo   Enviar Artigo   Partilhar Artigo
0 Comentário(s)
Galerias Relacionadas:
  0 video(s)
  0 som(s)
  0 documentos(s)
Outras Informações:
Visualizações: 1043
Tamanho do texto: A- A+

Últimos Vídeos
Mais comentadas
Mais lidas
Pesquisa de imóveis »
 
Terreno
Venda -
Aveiro
Aveiro, Vera Cruz
Consultar Imóvel »
Apartamento T3
Venda - Usado
Aveiro
Águeda, Macinhata do Vouga
Consultar Imóvel »
Quartos   
Inquérito »